• Home
  • Blog
  • Perda Auditiva: Entenda mais sobre as causas e níveis

Perda Auditiva: Entenda mais sobre as causas e níveis

Perda Auditiva: Entenda mais sobre as causas e níveis

Ir perdendo aos poucos a capacidade de ouvir os sons ao redor e não conseguir mais participar das conversas: a perda auditiva possui várias causas distintas, diferentes níveis e tem muito impacto na vida das pessoas. De acordo com relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 25% da população mundial sofrerá com algum grau de perda auditiva até 2050. Conhecer as origens da perda de audição é, também, o primeiro passo para evitar hábitos nocivos à saúde e impedir o surgimento e agravamento do problema.

A perda auditiva possui 4 níveis:

– Leve: O paciente tem dificuldade em ouvir sons mais fracos, prejudicando também a conversação em ambientes barulhentos. Muitas vezes, esse tipo de perda auditiva é negligenciado por conta dos sintomas menos aparentes, levando a uma piora do problema.
– Moderada: Nesses casos, o cotidiano do paciente é mais afetado, já que há dificuldade para entender a fala, principalmente nas conversas em grupo.
– Severa: Neste nível de perda auditiva, o paciente só consegue escutar sons muito altos, acima de 70 decibéis. A fala e desenvolvimento da linguagem também são prejudicados.
– Profunda: Aqui, a maior parte dos sons não é percebida, mesmo aqueles muito altos. A qualidade de vida é comprometida e o uso de aparelho auditivo é indispensável.

Outra classificação que pode ser feita é em relação ao tipo do problema:

– Perda sensorial: Acontece quando há dano ou falta das células da cóclea, parte do ouvido interno.
– Perda condutiva: Quando algum problema no ouvido externo ou médio impede a condução de som.
– Perda auditiva mista: Combinação da perda auditiva sensorial e da condutiva.
– Perda neural: Ocorre quando o nervo auditivo não consegue enviar a mensagem sonora ao cérebro

A perda auditiva geralmente é associada ao envelhecimento, o que realmente pode ser uma causa. Porém, existem muitas outras condições responsáveis por gerar o problema de forma repentina ou gradual. Conheça algumas delas:

– Infecções virais ou bacterianas: Se não tratadas, as infecções podem ser uma das causas da perda auditiva. O próprio microrganismo e a inflamação local podem danificar a estrutura da orelha média, externa ou interna, provocando a perda auditiva condutiva ou neurossensorial leve, moderada ou severa.
– Diabetes: Quando o paciente tem diabetes, os pequenos vasos sanguíneos do corpo são os que mais sofrem com a alteração do nível de glicose. Quando a doença não é controlada, os vasos que fazem o suprimento sanguíneo da cóclea (parte do ouvido interno) podem ser afetados.
– Hipertensão arterial: A irrigação sanguínea da orelha depende de poucas artérias e, por isso, alterações na pressão arterial podem afetar o funcionamento deste órgão.
– Perfuração do tímpano: A membrana do tímpano é responsável por receber estímulos sonoros e transformá-los em vibração que será interpretada pelo cérebro. A ruptura dessa estrutura pode causar a perda auditiva e também ocorrer em função de algumas doenças, como a otite média aguda. É importante tomar cuidado na hora de fazer a higiene do ouvido, evitando inserir objetos na parte mais profunda do canal auditivo.
– Exposição a ruídos: Em ambientes muito ruidosos (como barulhos de máquina ou shows, por exemplo) o ideal é o uso de protetor auricular para proteger a audição.
– Fones de ouvido: O uso de fones de ouvido por um longo período de tempo e com volume muito alto é a causa mais comum de perda auditiva entre jovens.
– Condições genéticas: Este tipo está relacionado a mutações genéticas e hereditariedade.

A perda auditiva em qualquer nível pode ser tratada – o uso de aparelhos é capaz de melhorar a qualidade de vida do paciente e inseri-lo de volta em suas atividades cotidianas que haviam sido prejudicadas pela dificuldade de ouvir. Para isso, o acompanhamento com profissionais qualificados é fundamental e necessário em todas as etapas da vida!

Se você está passando por problemas por causa de perda de audição, agende agora mesmo uma avaliação com os profissionais do nosso site!

Encontre uma loja

SAO PAULO CAPITAL

ALTO DA LAPA

Rua Cerro Corá, 550 - 6A

Telefone: (11) 3021-1130

HIGIENÓPOLIS

Rua Mato Grosso, 306

Telefone: (11) 3129-7577

JARDINS

Rua Caconde, 219

Telefone: (11) 3051-4284

MOEMA

Av. Jurucê, 307

Telefone: (11) 2364-1050

MORUMBI

Rua dos Três Irmãos, 78 - Vila Progredior, São Paulo - SP, Brasil

Telefone: (11) 3721-7301

SANTO AMARO

Rua Alexandre Dumas, 675

Telefone: (11) 3078-1768

SANTANA

Rua Conselheiro Moreira de Barros, 840

Telefone: (11) 2281-6465

TATUAPÉ

Rua Serra de Bragança, 1629

Telefone: (11) 2225-0946

VILA MARIANA

Rua Luiz Góis, 1404

Telefone: (11) 5071-5049

DOMICILIAR E OUTRAS REGIÕES

Telefone: (11) 3052-4106


GRANDE SÃO PAULO

Osasco

R. Ten. Avelar Píres de Azevedo, 56 - Centro, Osasco - SP, Brasil

Telefone: (11) 3683-3940

ALPHAVILE

Praça das Rosas, 20 Térreo - Alphaville Comercial, Barueri - SP, Brasil

Telefone: (11) 4193-3965 / 4191-0574

GUARULHOS

Av Dr. Renato de Andrade Maia, 748

Telefone: (11) 2229-5637


SAO PAULO LITORAL

Ubatuba

R. Conceição, 580 - Centro, Ubatuba - SP, Brasil

Telefone: (12) 3211-6818

CARAGUATATUBA

R. Teotino Tibiriçá Pimenta, 391 - Centro, Caraguatatuba - SP, Brasil

Telefone: (12) 3883-3398

SANTOS

R. Dr. Cunha Moreira, 255 - Encruzilhada, Santos - SP, Brasil

Telefone: (13) 3349-3351


PARCERIA AUTORIZADA ÓTICAS CAROL

Pinheiros

Rua Teodoro Sampaio, 2136 - Pinheiros, São Paulo - SP, Brasil

Telefone: (11) 3031-1143 / 3031-4995